HOME EMPRESA SERVIÇOS BLOG HACADEMY CURSOS NA MÍDIA PUBLICAÇÕES AGENDA CONTATO
Buscar  
NA MÍDIA
Engenheiro Ambiental da Votorantim apresenta estudo em Belo Horizonte

O engenheiro ambiental Alex Ezequiel do Amaral recebe certificado do Congresso. Foto: Arquivo/Votorantim Metais

 

O engenheiro ambiental da Unidade Morro Agudo da Votorantim Metais, Alex Ezequiel do Amaral, participou, no último dia 16 outubro, do XVIII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas. Realizado em Belo Horizonte (MG), o evento reuniu diversos profissionais para debater estudos sobre as águas subterrâneas do estado, como aspectos físicos, econômicos e socioculturais, sustentados pelo tema “Água nas Minas e nas Gerais: Uma Riqueza Nacional”.

Alex apresentou o artigo “Aproveitamento dos furos de sondagem exploratórios pelo método bucha de compactolit, para implantação de poços para o monitoramento hidrogeológico”, produzido em parceria com o também empregado da Votorantim Metais, Gerbe Ferreira do Amaral Filho. A pesquisa atenta para a importância de se desenvolver estudos hidrogeológicos e hidrológicos nas fases de pré-viabilidade e viabilidade técnico-econômica ou ambiental de projetos de mineração para minimizar riscos durante sua implantação e diminuir custos com sondagens.

Durante os estudos para a elaboração do artigo, os profissionais perceberam que os furos de sondagens exploratórias superficiais feitos durante pesquisa de exploração mineral poderiam ser aproveitados para a construção de poços de monitoramento: estrutura fundamental para o monitoramento das condições da água subterrânea, como o nível d'água em uma determinada formação geológica e suas características físicas, químicas, biológicas.

Os poços permitem ao empreendedor conhecer as características e condicionantes hidrogeológicas dos aquíferos e determinar, por meio de análises, o seu comportamento, permitindo a coleta de amostras de solo representativas para descrição litológica e caracterização das águas subterrâneas, além de determinar o nível estático e o fluxo d’água.

“O aproveitamento desses furos no início de um projeto permite um período maior de monitoramento do nível d´água até o início das atividades de lavra, proporcionando maior coesão no banco de dados para os estudos hidrogeológicos e ambientais”, explica Alex. O engenheiro ambiental ressalta, também, que essa prática possibilita compreender melhor os sistemas aquíferos e reduz os custos com a perfuração de novos poços, posteriormente. “Foram aproveitados furos de sondagem exploratórios, reduzindo os custos em 98% nas fases iniciais do projeto”, completa.

O profissional, contudo, alerta que esses poços não substituem todos os piezômetros, furo de observação em aquíferos, que deverão ser perfurados e construídos com especificações técnicas. “O aproveitamento dos poços se mostra como uma excelente alternativa na fase de viabilidade”, finaliza.

A realização do estudo evidencia o investimento que a Votorantim Metais realiza em tecnologias de otimização de processos e redução de custos em suas operações. “Estamos sempre atentos a novas técnicas e procedimentos que contribuam para o aumento da nossa produtividade, tornando a empresa cada vez mais competitiva no mercado”, afirma Júlio Rocha, gerente geral da Unidade Morro Agudo da Votorantim Metais. De acordo com o gestor, a Companhia incentiva a participação de seus empregados em eventos acadêmicos, fomentando o compartilhamento de informações para a qualificação constante do setor minero-metalúrgico.

 

XVIII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas

De 14 a 17 de outubro, a Associação Brasileira de Águas Subterrâneas, ABAS, realiza o XVIII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas em Belo Horizonte, no Minascentro. O evento aborda questões típicas das águas subterrâneas relacionadas aos aspectos físicos, econômicos e socioculturais do estado de Minas Gerais, mas sem perder o foco nacional, incluindo temas da atualidade, como a exploração do gás de xisto, garantindo assim um amplo espaço voltado para todas as respectivas questões no país. A partir deste enfoque, chegou-se então à definição do tema geral para o XVIII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas, qual seja: “Água nas Minas e nas Gerais: Uma Riqueza Nacional”. Simultaneamente ao Congresso, serão promovidos também o XIX Encontro Nacional de Perfuradores de Poços e a VIII Feira Nacional da Água – FENAGUA.


Sobre a Votorantim Metais

A Votorantim Metais investe desde sua criação, em 1996, no crescimento de suas operações com base em princípios de sustentabilidade e estabilidade operacional. A empresa é líder no mercado brasileiro de alumínio primário, uma das cinco maiores produtoras mundiais de zinco e a maior fabricante de níquel eletrolítico da América Latina. Segunda maior companhia brasileira de metais não-ferrosos, a Votorantim Metais tem 17 unidades industriais, sendo onze no Brasil, quatro nos Estados Unidos, uma na China e uma no Peru. A empresa possui uma gestão de Inovação Aberta, materializada em uma governança corporativa, reconhecida nacionalmente pela Confederação Nacional das Indústrias, por meio do Prêmio Nacional de Inovação. A Votorantim Metais é a empresa no Brasil que tem o maior número de projetos aprovados pelo Senai-Cimatec, desenvolvendo soluções para o aumento da competitividade da indústria brasileira.

 

Rafaela Freitas / Ideia Com


Fonte: Paracatu Net | 22/10/14 - 22:27


Leia as demais Notícias:

 

   Monterey County begins Salinas Valley groundwater sustainability effort

State legislation requires sustainable management. Faced with a state mandate to balance groundwater basins within the next two decades, Monterey County officials on Tuesday took the first step toward meeting that goal in the long overdrafted Salinas Valley groundwater basin... [Leia mais...

 


Av. São Camilo, 476 | Granja Viana | São Paulo | SP | Fone: (11) 4612-0480 | 4612-1124 | 4612-2389 | 4612-9673 | hidroplan@hidroplan.com.br
© 2020 HIDROPLAN - CG PROPAGANDA